fotos

DEVIDO À UMA ATUALIZAÇÃO DO BLOGGER, ALGUMAS FOTOS POSTADAS PODEM TER DIFICULDADES DE VISUALIZAÇÃO.

terça-feira, 27 de março de 2012

O Aquário Plantado e os Kingyos

      Kingyos e plantas são uma mistura quase perfeita para um aquário. Digo quase pois eles irão comer quase todas as plantas que tentarmos introduzir no aqua. Mas com a combinação correta, poderemos ter um lindo plantado com Kingyos.

      Dos meus erros e acertos nesse tempo em que tento manter esses peixes junto de meu plantado e meu lago, tiro algumas lições que podem ajudar outros hobbystas na hora de escolher suas plantas:

- Anúbia nana - crescimento lento porém com folhas grossas e raízes fortes. Eles nem tocaram nelas.

- Anúbia lanceolata - também não apreciaram essa planta de folhas grossas e caule duro. Suas raízes também são bastante resistentes.

- Cabomba - folhas macias e raízes frágeis. Mesmo com seu rápido crescimento eles arrancam tudo do lugar.

- Gigoga - planta flutuante, suas raízes são como aperitivo. Em boas condições e grande quantidade, sobrevivem aos Kingyos.

- Alface dágua (Santa Luzia) - planta flutuante. Suas raízes são muito apreciadas. Devem ser mantidas em grande quantidade.

- Tenellus - crescimento razoável, folha levemente dura e raízes firmes. Não são muito apreciadas. Um carpete denso pode ajudar até a mecherem menos no substrato.

- Bananinha - sua folha ligeiramente rígida quando chega á superfície da água não deve ter bom paladar. Com outras iguarias por perto, ela consegue sobreviver.

- Musgo de Java - de crescimento rápido, sua densidade pode ajudar a mantê - lo vivo já que não é tão apreciado.

- Salvínia - raíz = comida. Seu crescimento acelerado faz com que não dêem conta de tudo.

- Amazonense - com raízes e folhas fortes, são sérias candidatas à sobrevivência.

- Ninpheas (Ninféias) - enquanto estão em sua forma submersa, são presas fáceis, mas quando atingem a superfícies como as bananinhas, seus problemas acabam.

- Samambaia Dágua - comida.

- Hygrophila difformis (sinemá) - comida.

- Valisnéria - há quem diga que não, mas com as Carpas que mantinha antes dos Kings viraram comida.

- Hydrocleys nymphoides - plantada em vasos dentro de lagos, ao chegar fora da água, se tornam mais fortes e assim podem conviver bem com os peixes.

- Elodea - alguns comem, os meus nem tanto. Na verdade são uma boa opção que pode ser usada como distração assim como faço com o agrião que largo boiando pelo aqua ou pelo lago para desviar a atenção dos Kings das que realmente interessam.

      Cada experiência é um aprendizado. O importante é alcançar um resultado o mais próximo possível do satisfatório para Plantas x Kingyos x Criadores, pois sem dúvida plantas e peixes são uma combinação perfeita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.